terça-feira, novembro 02, 2004

Liberdade de expressão em perigo

O realizador holandês Theo Van Gogh foi assassinado. O suspeito é um homem com dupla nacionalidade marroquina e holandesa.

Coincidência ou não, o realizador tinha sido ameaçado de morte por islamitas devido ao seu filme "Submission" que enfureceu alguma da comunidade muçulmana na Holanda.

Se foi este o caso, Van Gogh pagou com a vida o crime de blasfémia. E isto é que é muito grave para a liberdade de expressão na Europa.

É preciso começar a ter em atenção casos como este. Se não, a Europa estará a transformar-se na Eurabia (e a Oriana Fallaci então estará cheia de razão).