segunda-feira, dezembro 12, 2005

Fanatismo islâmico na Europa

O totalitarismo islâmico, mesmo minoritário no continente europeu, já se sente com força para tentar impor aos povos que os acolhem a intolerância que demonstram contra todos que não pensam como eles (eles sentem-se com força porque há por aí uns iluminados multiculturalistas e amantes de diversidades, para além de uma mãozinha da extrema-esquerda, que pensam que tudo é relativo).

Agora o caso passou-se em Saint-Genis-Pouilly, em França, mas bem junto à Suíça, em que organizações muçulmanas e a própria mesquita de Genebra, quiserem impedir a representação da Le Fanatisme ou Mahomet le prophète de Voltaire. Se as autoridades não cederam ao politicamente correcto desta vez, mesmo assim houve incidentes durante a representação da peça.

E, ainda há para aí uns outros iluminados que andam preocupados com um alegado fundamentalismo católico! Devem estar a precisar de óculos.