sexta-feira, fevereiro 03, 2006

Leitura recomendada

Para nos lembrar do que está em jogo: No quiero ser «dhimmí» de Serafín Fanjul (arabista e professor Catedrático na Universidade Autónoma de Madrid).

Fala quem estudou o Islão.