quinta-feira, junho 29, 2006

Isenção jornalística

Acabo de ouvir uma reportagem na RTP-N sobre o actual o conflito israelo-palestiniano, em que se faz referência ao "exército sionista".

Onde isto já vai. Todos sabemos que a utilização de certas palavras não é inocente e, então, neste conflito, ainda muito menos. Neste contexto, a classificação dos israelitas como "sionistas" é habitualmente utilizada pela esquerda (e direita) anti-semita e pelos inimigos do estado de Israel (e que desejam a sua destruição).

Parece que a RTP-N acabou de tomar partido: está do lado dos inimigos de Israel.

Post scriptum. É preciso não nos esquecermos que o Padre Carreira das Neves, há uns anos atrás, também falava do "exército judeu". Enfim, anti-semitismo recalcado.

2 Comments:

Blogger paty said...

Bom de facto o teu blog trata assuntos bastantes pertinentes e actuais, mas como se post enormes as pessoas não param para ler. Eu parei porque to em Comunicação Social e chamou-me a atenção. Mas to so a dizer isto porque reparei que os comentários não abundam os teus temas...talvez devesses adaptar isto...

6/29/2006 12:56:00 da tarde  
Blogger Marco said...

Duvido que seja anti-semitismo. é mesmo ignorância.

6/30/2006 01:57:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home